Smile! You’re at the best WordPress.com site ever

Arquivo para a categoria ‘Ross Macdonald’

Ross Macdonald – A Tragédia Blackwell

A Editora Cia da Letras publicou 1987 o livro A Tragédia Blackwell de Ross Macdonald que pode ser encontrado somente em sebos e tem a seguinte sinopse:
Ross Macdonald foi o criador de um dos melhores personagens da literatura policial norte-americana: LEW ARCHER que neste livro é contratado para investigar as origens de um rapaz que está namorando a filha de um milionário desconfiado. Até aí tudo bem, mas esta investigação traz à tona revelações intrincadas sobre os personagens, bem como 2 assassinatos…
Anúncios

Ross Macdonald – O Homem Sob a Terra

A Editora Record publicou na série Negra, o livro O Homem Sob a Terra de Ross Macdonald que pode ser encontrado através do link da submarino acima e tem a seguinte sinopse:
Legendário detetive do Romance Noir, Lew Archer desta vez se depara com um homem enterrado (vivo?) na clareira de uma densa floresta, que está ameaçada por um incêndio gigantesco. Mais do que revelar a identidade do criminoso, Archer conduz o leitor a indagações sobre a condição humana num mundo em que a ?desumanidade? está todos os dias nas manchetes dos jornais

Ross Macdonald – Um Retrato Fatal

A Editora Abril Cultural publicou em 1984, o livro Um Retrato Fatal (The Blue Hammer) de Ross Macdonald, livro dificil de ser encontrado, que achei recentemente em São Paulo em um sebo e tem a seguinte sinopse:

Contratado por um milionário, Lew Archer – a maior criação de Ross Macdonald – mergulha num mundo de emoções violentas, em que o dinheiro compra tudo, até a própria justiça. Além de uma história fascinante e cheia de ação, este romance é também uma reflexão sobre a violência dos dias atuais.

Ross Macdonald – O Inimigo Imediato

A Editora Companhia das Letras publicou em 1987, o livro O Inimigo Imediato (The Instant Enemy) de Ross Macdonald, livro dificil de ser encontrado, eu achei recentemente em São Paulo em um sebo e tem a seguinte sinopse:
Ross Macdonald, o autor, Lew Archer, o personagem. Um detetive na melhor tradição do romance policial norte-americano. Expondo as entrandas da grande e impiedosa cidade, que é Los Angeles ou qualquer outra. Expondo as paixões sórdidas ou sublimes de seus habitantes através de um triste cinismo: “Piquei o cheque em pedacinhos e joguei o confete amarelo pela janela. Foi caindo lentamente sobre os cabelos curtos e os cabelos longos, os maconheiros e os tomadores de ácido, os que corriam do Exército e os que corriam atrás da grana, os que badalavam e os que sofriam, os santos idiotas, os casos perdidos e as virgens loucas”. O Inimigo imediato, um livro que é, a um tempo, ação tensa, trama complexa e um cruel corte psicológico da sociedade.

Ross Macdonald – Cidade Corrompida

A Editora Record, o livro Cidade Corrompida de Ross Macdonald, que pode ser encontrado através do link da Submarino acima, veja sinopse abaixo:
Terceiro livro de Ross Macdonald, Cidade Corrompida antecipa os elementos que o consagraram como um dos melhores escritores policiais de todos os tempos, após a criação do detetive Lew Archer.
Neste romance, John Weather volta da Guerra para sua cidade natal e encontra o local entregue às gangues de malfeitores. Seu pai, J.D.Weather, outrora poderoso, tinha sido assassinado, e sua fortuna, herdada pela madrastra jovem e sensual. Fortalecido pelos combates, John usa todos os meios disponíveis para descobrir o responsável pela morte de seu pai e vingar sua memória. Um grande clássico da ficção policial americana.

Ross Macdonald – Encontro-me no necrotério

A L&PM Editores publicou o livro Encontro-me no necrotério de Ross Macdonald que está esgotado no momento, ficamos no aguardo de uma nova edição talvez na coleção L&PM Pocket.

Ross Macdonald – O Sorriso de Marfim

A L&PM Editores publicou na série L&PM Pocket, o livro O Sorriso de Marfim de Ross Macdonald que tem a seguinte sinopse:

O sorriso de marfim começa com a típica cena dos romances noir americanos: no escritório do detetive particular Lew Archer, em Los Angeles, irrompe uma misteriosa mulher de rosto severo, vestindo uma estola de pele e tantos diamantes quanto consegue carregar. Recusando-se a entrar em detalhes, pede que Archer descubra o paradeiro da ex-empregada, que teria roubado jóias suas. De cara ele percebe que há mentira no ar, mas a penúria em que se encontra e a sua curiosidade inata prevalecem. Em breve ele tropeçará numa série de cadáveres, prostitutas estonteantes, perigosos marginais e ricos inescrupulosos.