Smile! You’re at the best WordPress.com site ever

Arquivo para a categoria ‘Raymond Chandler’

Raymond Chandler – A Longa Noite

O Círculo do livro publicou em 1990, o livro A Longa Noite de Raymond Chandler. O livro somente pode ser achado em sebos, não deixem de observar os detalhes abaixo:

“A longa noite” é uma coletânea de estórias do detetive Philip Marlowe, que originalmente foram publicadas em várias revistas do gênero de ficção policial como: Black Mask, Dectetive Weekly, The Saturday Evening Post entre outras.
Estes são os contos:- Encrenca é o meu negócio, Os peixinhos dourados, A longa noite do vento quente, Ficarei esperando, Tiroteiro no Cyranos.

Dica do Navarco, ou seja são contos que estão em outras edições recentes da L&PM Editores, não compre gato por lebre.
Anúncios

Raymond Chandler – Um Longo Adeus

A Editora L&PM lançou na série L&PM pocket, o livro Um Longo Adeus de Raymond Chandler que pode ser encontrado no link da submarino acima e tem a seguinte sinopse:

O longo adeus é um dos maiores romances da literatura americana em todos os tempos. E, seguramente, o melhor do gênero em que Chandler foi um dos fundadores – o policial noir – compartilhado com escritores do gabarito de Dashiell Hammett, Ross Macdonald, David Goodis, Chester Himes, entre outros. No centro da trama está Philip Marlowe, o detetive emblemático da literatura de Chandler e do período da recessão americana em que ele ambienta suas novelas. Sentimental sob uma casca de durão, quase sempre um perdedor, hábil e fascinante, Philip Marlowe ocupa a galeria de honra dos grandes personagens da literatura universal. O longo adeus é um clássico sobre a solidão e a amizade. Philip Marlowe e o enigmático Terry Lennox são os personagens centrais deste romance profundo e brilhante.

Raymond Chandler – A Irmãzinha

A Editora L&PM lançou na série L&PM pocket, o livro A Irmãzinha de Raymond Chandler que já é sucesso na feira do livro de Porto Alegre e tem a seguinte sinopse:
Los Angeles. A recatada e interiorana Orfamay Quest procura o detetive Philip Marlowe em seu escritório: quer que ele encontre o seu irmão, Orrin, que está desaparecido. Marlowe não sabe em quem ou no que acreditar, mas acaba encontrando uma série de cadáveres suspeitos, fotos incriminadoras, marginais escusos, traficantes, policiais mal-humorados que não parecem inclinados a lhe ajudar, e não uma, mas várias mulheres ? todas elas fatais.

Raymond Chandler – O sono eterno

A Editora L&PM publicou na série L&PM pocket no. 249, o livro O Sono Eterno de Raymond Chandler, que tem a seguinte sinopse e também foi publicado na década de 70 pelo editora Brasiliense.
O sono eterno é o primeiro romance e a primeira aparição de Philip Marlowe na obra de Raymond Chandler. Publicado em 1939, este livro surge depois da publicação de dezenas de contos em revistas pulp, consideradas de segunda linha, onde saíam histórias policiais e de mistério. Nestes contos, sob diferentes nomes, Chandler esboça a personalidade de seu grande personagem Philip Marlowe, protagonista de todos os seus romances. O palco é a Califórnia no difícil período da depressão, nos anos 30. Marlowe surge como um personagem tão fascinante quanto complexo; detetive particular, cínico, aparência de durão, Marlowe tem seu lado generoso e sentimental. À margem dos tiras, dos clientes e dos marginais, Marlowe é um solitário convivendo com as mazelas de um tempo difícil, na cidade grande apinhada de perdedores. Em O sono eterno Marlowe é contratado por um velho general milionário e doente que passa o dia envolto em um cobertor num orquidário úmido e escaldante. Pai de duas filhas lindas e complicadas, o velho general está sendo chantageado… Eletrizante, estilisticamente perfeito, este belo livro foi adaptado para o cinema sob o título À beira do abismo, com Humphrey Bogart e Lauren Bacall.

Raymond Chandler – Armas no Cyrano´s

A Editora L&PM publicou na série L&PM pocket no. 233, o livro Armas no Cyrano´s e outras histórias de Raymond Chandler, que tem a seguinte sinopse:
Os principais contos de Raymond Chandler foram reunidos num volume de quase 500 páginas, publicado no Brasil com o nome de A simples arte de matar (L&PM, 1999). Este grande livro, composto por oito contos longos e um ensaio (A simples arte de matar), foi desdobrado em três volumes na coleção L&PM POCKET (Assassino metido a esperto, Vou estar esperando e Armas no Cyrano’s). Pura tensão, estes contos contêm os ingredientes que consagraram Chandler como um dos maiores escritores americanos de todos os tempos. Mestre da literatura noir, Chandler foi um dos fundadores deste gênero e, ao lado de Dashiel Hammet, Ross Macdonald, Chester Himes, David Goodis, entre outros, retratou a América pós-depressão. Seus romances são recheados de assassinos, policiais corruptos, homens duros de coração mole, solitários, perdedores esmagados pela cidade grande e instituições injustas. Neste livro, Chandler esboça aquele que seria o seu principal personagem, o detetive particular Philip Marlowe, um dos mais célebres da grande literatura policial.
Contos: “Armas no Cyrano’s””Gás Nevada””A simples arte de matar”

Raymond Chandler – Assassino metido a esperto

A Editora L&PM publicou na série L&PM pocket no. 215, o livro Assassino metido a esperto e outras histórias de Raymond Chandler, que tem a seguinte sinopse e tem duas capas diferentes:

Os principais contos de Raymond Chandler foram reunidos num volume de quase 500 páginas, publicado no Brasil com o nome de A simples arte de matar (L&PM 1999). Este grande livro composto por oito contos longos e um ensaio (A simples arte de matar) foi desdobrado em três volumes na coleção L&PM POCKET (Assassino metido a esperto, Vou estar esperando e Armas no Cyrano’s). Pura tensão, estes contos contêm os ingredientes que consagraram Chandler como um dos maiores escritores americanos de todos os tempos.
Mestre da literatura noir, Chandler foi um dos fundadores deste gênero e, ao lado de Dashiel Hammet, Ross Macdonald, Chester Himes, David Goodis, entre outros, retratou a América pós-depressão. Seus romances são recheados de assassinos, policiais corruptos, homens duros de coração mole, solitários, perdedores esmagados pela cidade grande e instituições injustas. Neste livro Chandler esboça aquele que seria o seu principal personagem, o detetive particular Philip Marlowe, um dos mais célebres da grande literatura policial. Raymond Thornton Chandler (1888-1959) nasceu em Chicago, estudou na Inglaterra, França e Alemanha e teve várias profissões em sua vida – professor, revisor, soldado, contador, executivo do petróleo, detetive particular, roteirista de Hollywood e autor de livros policiais. Escreveu, entre outros, O longo adeus, O sono eterno, Adeus, minha adorada (L&PM POCKET), A simples arte de matar e A irmãzinha. Deixou inacabada a novela Amor e morte em Poodle Springs (L&PM POCKET).

Raymond Chandler – Para Sempre ou Nunca Mais

A Editora L&PM publicou na série L&PM Pocket, o livro Para Sempre ou Nunca Mais de Raymond Chandler, que pode ser encontrado através do link da Submarino acima, veja sinopse abaixo:
Philip Marlowe está sendo pago para seguir uma ruiva um tanto melancólica chamada Eleanor King. Ou seria o seu nome verdadeiro Betty Mayfield? Ou sra. Kinsolving? E qual a conexão entre ela e o homem cujo poderoso e perturbador cruzado de direita Marlowe tem o desprazer de experimentar? Mesmo em uma aprazível cidadezinha como Esmeralda, não faltam detetives particulares, tiras e demais pessoas para dificultar a solução de um caso – e não tardará até que o incontornável sentido de justiça de Marlowe o coloque mais uma vez em apuros. Ao menos, a confusão toda envolve uma loira de olhar provocante e com um longuíssimo par de pernas…