Smile! You’re at the best WordPress.com site ever

Arquivo para a categoria ‘Ruy Castro’

Ruy Castro – O Leitor Apaixonado

A Cia das Letras está publicando O Leitor Apaixonado de Ruy Castro, veja a sinopse abaixo:
Nelson Rodrigues, Paulo Francis, Carlos Heitor Cony, Oswald e Mario de Andrade, F. Scott Fitzgerald, Dorothy parker, Gertrude Stein e muitos outros – até Paulo Coelho! – estão nessa coleção de textos curtos, ágeis e bem-humorados de Ruy Castro sobre literatura e jornalismo.
Mais conhecido como estudioso da música popular, do cinema, do futebol e de outras disciplinas populares, Ruy Castro sempre foi também um homem dos livros – e escreve sobre os grandes nomes da literatura com a mesma autoridade e leveza que já aplicou a Tom Jobim, Carmen Miranda ou Garrincha.O Leitor Apaixonado é uma coletânea de 45 artigos escritos originalmente para a imprensa e selecionados por Heloisa Seixas, mas retrabalhados para este livro pelo próprio Ruy Castro. Por ele desfilam tanto os grandes nomes da literatura, como Oscar Wilde, Dorothy Parker, Nelson Rodrigues, Oswald e Mario de Andrade, F. Scott Fitzgerald e a francesa Colette, como autores de quem você talvez nunca tenha ouvido falar, como Théo-Filho, João de Minas e Pedro Carolino – mas com quem vai se divertir ao ler suas incríveis peripécias narradas por Ruy Castro. Em comum entre esses escritores é que, embora todos tenham sido famosos um dia, foram também tremendamente malditos em alguma época de suas carreiras. Alguns sofreram durante anos para vencer. Outros venceram de saída, mas foram depois abandonados pelo público. Alguns desses derrotados conseguiram recuperar o prestígio e voltaram ao panteão da literatura. Outros continuaram solidamente esmagados e esquecidos – até serem “ressuscitados” por Ruy Castro. O Leitor Apaixonado não é um livro de crítica literária. Longe disso. Em seus textos, Ruy prefere enfatizar o lado humano desses escritores e de como isso influiu na criação de suas obras definitivas – ou fracassadas. E, como não podia deixar de ser, de um ponto de vista sempre bem-humorado, típico do autor. Como disse Heloisa Seixas em sua apresentação, “As matérias de Ruy para jornais e revistas são como suas biografias uma enorme quantidade de informação, envolvida por um estilo saboroso e absolutamente próprio. Ruy escreve com tal leveza e humor que seus leitores absorvem tudo sem perceber. É gostoso ler Ruy Castro”.
Anúncios